Um piano colocado no meio de um local de grande circulação. Curiosos se aproximando sem nunca ter tocado um instrumento. Pessoas que amam a música e arriscam algumas notas. Outras várias se juntando ao redor e apreciando um gosto nato pelos sons e melodias. A França vive a arte o tempo todo seja na calçada, nos parques, nos pontos turísticos e até nas estações de metrô. 

 

 

A pausa entre as idas e vindas pode ficar com o respiro da música de rua. Você certamente passará por algum artista no trajeto, uma desculpa necessária para parar, sentir e apreciar. Anote os locais que sempre tem música boa ao ar livre:

 

 

Place du Tertre

 

Montmartre é o coração dos artistas de rua, e entre pintores, poetas e bares, não poderia faltar o embalo de alguma melodia. A Place serviu como reduto dos boêmios e escritores no passado, e hoje continua respirando arte, com pintores fazendo retratos dos passantes em suas telas. 

 

 

Place Georges Pompidou

 

 

A place fica bem de frente ao Centre Georges Pompidou, conhecido pelos parisienses como Beaubourg. Para completar a vibe artística depois da visita ao museu, é fundamental se deixar flanar pelo vão onde ficam os artistas fazendo suas apresentações. Além de curtir o som, você pode demorar o olhar na arquitetura do Beaubourg, com sua transparência futurista e suas tubulações coloridas.

 

 

Pont au Double

 

 

Depois de ver as gárgulas da Cathédrale Notre-Dame, vale cruzar a ponte, que se encontra logo ao lado, ligando o 4º arrondissement ao 5º arrondissement, passando pelo rio Sena. Lá, o som do acordeão, que nos remete facilmente à França pode ser ouvido quase todos os dias.

Parc de la Villette


O jardim aberto ao público é tão chegado à música que hospeda a Fête de la Musique, quando é comemorado o solstício de verão. Por lá, mesmo em datas não comemorativas, é possível aproveitar a chanson en plein air, além da Cité de la Musique, lugar que dispõe de salas de concerto e um Museu de Música, do qual fazem parte 900 instrumentos de diferentes épocas.


Pont St-Louis


Cruzando o rio Sena, a ponte liga a Île de la Cité à Île Saint-Louis, no 4th arrondissement, em uma paisagem cênica que fica ainda melhor com a trilha sonora dos músicos que lá dedilham seus instrumentos. Enquanto recebe uma brisa no rosto, deixe-se levar pelas sanfonas, contras-baixos, e outras surpresas. 


Quantos lugares bacanas! Você conhece algum deles? Escreva em francês aqui nos comentários!


Bisous!


Elisa

 

Porte D’entrée

Passo1:

Não enviaremos SPAM. Ao clicar em CONTINUAR, você aceita os termos de uso.